A cocada é brasileira, mais precisamente baiana. Alguns estudos mostram que ela foi criada pelos negros escravizados; que à noite, nas senzalas, ralavam o coco, misturavam ao açúcar (mascavo) e cozinhavam até ficar no ponto de enrolar. Como a Bahia é o berço do Brasil, claro que a iguaria se espalhou pelo país e há diversas formas de prepará-la.

moreninhaempilhada

Em Petrolina, o clima seco emprestou à cocada morena (mais escura) uma característica única: ser crocante por fora, mas molhadinha por dentro. Nasceu a Moreninha, doce produzido em 4 fábricas na cidade e uma verdadeira paixão local ainda não reconhecida, vendida em pequenas porções de 50g em todo e qualquer restaurante e lanchonete de menor porte, especialmente no centro da cidade.

Veja, logo abaixo, um vídeo da minha visita ao local! 🙂

Visitei a fábrica Sabor do Nordeste, localizada na Rua 17 do bairro Alto do Cocar, na Zona Oeste de Petrolina. A produção é quase 100% artesanal e nela, trabalham 4 pessoas – o proprietário, Valdicelmo Cardoso, mais três colaboradores. São cerca de 70 mil cocadinhas feitas por mês e vendidas na cidade, além de cidades na Bahia, Pará e São Paulo.

cortandomoreninha2

A receita é simples: coco recém ralado (e comprado no Mercado do Produtor, em Juazeiro), leite em pó e açúcar. A mistura é cozida a 140 graus e descansa por três dias, já cortado, para criar a casca sequinha. Só então os pedaços são embalados. A mesma receita é reproduzida em diversos locais do Nordeste, mas a baixa umidade local é quem produz a crocância que tanto apreciamos. Sem conservantes, o doce dura até 2 meses quando conservado longe de fontes de calor e em local arejado.

cozinhandomoreninha

cocadamoreninhavaldicelmo

Valdicelmo espera aumentar a estrutura da fábrica nos próximos meses. A dica “gourmet” dele é colocar a cocada no microondas e servi-la quente com sorvete de creme ou baunilha.

Onde encomendar:

Cocada Sabor do Nordeste
Rua 17, nº 566, Jardim Amazonas, Petrolina
(87) 9 8871 8653 ou (87) 9 9904-9176
Acesse a fanpage.

O que você achou deste assunto? Comente!

Comentários